Encontrou um autocolante no vidro do seu automóvel?





Prezado(a) concidadão(ã):

Obrigado por demonstrar interesse em conhecer as ideias que estão por trás do autocolante posto no seu carro. A ideia fundamental é de que, por maiores que sejam os seus problemas de estacionamento, não podem ser resolvidos à custa do peão nem cabe ao peão resolvê-los (compreenda que muitos dos que aderem a esta iniciativa também são condutores e sabem que é possível não estacionar nos passeios ou passadeiras).

Somos muitos, mas andávamos calados ou - porque dispersos - não nos fazíamos ouvir.

É bem possível que, se não tivesse surgido o autocolante, o seu carro estivesse hoje com um risco na pintura ou um retrovisor partido. O autocolante surge precisamente como alternativa de expressão civilizada de uma indignação que não deve ser subestimada. Não queremos impor danos a ninguém, opomo-nos clara e frontalmente a qualquer tipo de vandalismo, mas queremos que ouça a nossa indignação, que a considere, e, finalmente, que se deixe tomar por ela.

Saiba, portanto, que sempre que estacionar no passeio ou na passadeira estará a causar profunda indignação a muita gente, e a grande maioria não terá autocolantes à mão.

Colabore connosco partilhando o seu ponto de vista com os argumentos que julgar pertinentes. Somos todos ouvidos.

Passeio Livre

40 comentários:

  1. Transferimos a nova caixa de comentários para aqui, para que fosse mais prático a partilha de ideias e sugestões. Os comentários mais antigos, encontram-se AQUI.

    ResponderEliminar
  2. Boa Noite,

    A próxima vez que o meu carro tiver um autocolante vosso, 2 pedras da calçada e MERDA no puxador, essa pessoa vai ser ESPANCADA e depois podem queixar-se à DECO.

    Cumps

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia,

      E onde habita o caríssimo, para que possamos passar pela sua rua ainda hoje? O truque "merda no puxador" é um clássico que se revela sempre bastante eficaz.

      Quanto à queixa à DECO, penso que a PSP seria mais adequado, caso se trata de espancamento, meu animal. Aprende a estacionar, minha besta.

      Eliminar
    2. Como muito bem pode ler AQUI, o Passeio Livre opõe-se de forma veemente a essas situações. Lamentamos o sucedido.

      Eliminar
    3. http://goo.gl/gMoZj5

      Eliminar
    4. Desculpe mão não percebi o comentário, se o sujeito na frase é «o meu carro», logo «essa pessoa» só pode referir-se igualmente ao carro (há gente assim doentinha que julga que os objetos são animados); agora «vai espancar o carro»?

      Eliminar
    5. O que é que a DECO tem a ver com isto? A DECO defende os consumidores, logo defende os automobilistas, não defende os peões. A defender os peões conheço apenas a ACA-M e o Passeio Livre, mais nada.

      Eliminar
  3. Da próxima vez que alguém colar um autocolante no vidro do meu carro - que estava ilegalmente estacionado ao abrigo do art. 49.º do Código da Estrada, mas tal concerne às autoridades policiais, não aos cidadãos - instaurarei um processo crime contra este blogue por incitamento ao dano em propriedade privada.

    Aleixo Batista
    Advogado
    inscrito na ordem dos advogados com o n.º 32357

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como advogado já começavas era a ter juízo nessa cabeça.

      Eliminar
    2. oh Aleixo, conheces enquanto advogado o significado das palavras cidadania e voluntariado? Informa-te, há jurisprudência que refere preto no branco que o autocolante não é ilegal porque não é feito com dolo.

      Eliminar
    3. Oh Aleixo, não sejas mentiroso, que não existe ninguém na ordem com esse nome e número. Mas boa sorte com o processo crime. A próxima vez, pode ser que apanhes com um cagalhão no puxador.

      Eliminar
    4. Ui que medo oh Aleixo! Onde moras para dar aí um saltinho hoje à noite???

      Eliminar
    5. Alguém, sem dúvida num febril ataque de razão desenfreada, colou um autocolante - verdadeiramente difícil de retirar - na janela lateral do meu automóvel.
      Embora compreenda a existência de razões que podem levar à justa indignação que, quero acreditar, está por detrás deste acto de vandalismo (procurem o significado num dicionário caso não entendam o uso do termo) parece-me que é mais um caso de duas situações indignas:
      1) alguém que acha que pode "fazer justiça"pelas próprias mãos, o que não só é ilegal como é estúpido.
      2) uma clara falta de clareza entre o processo de se ter um objectivo e o caminho para o atingir. Não lhes parece que a raiz do problema não é a falta de civismo do cidadão comum, mas antes a falta de estacionamento nas zonas residenciais de Lisboa? Porquê atacar estas vítimas, auto-arrogando-se um papel de vingador de outras?
      A resposta é clara. Da próxima vez que vir alguém a profanar um veículo da mesma forma, a minha reacção será rápida e muito, muito, violenta.
      Lamento o anonimato, mas até que estabeleçam o princípio de assinarem os vossos trabalhos, vejo-me obrigado a fazer o mesmo.
      Até Breve

      Eliminar
    6. Ai afinal a culpa é "da falta de estacionamento nas zonas residenciais de Lisboa"? Excelente forma de sacudir a água do capote! Experimente ir a pé, de bicicleta ou de transportes públicos para o trabalho, de certeza que deixará de ter problemas de estacionamento! E de certeza que deixará de ser um criador de problemas para quem quer circular em segurança pelo passeio!
      Acha que ter um autocolante é mau? Podia ser um retrovisor pendurado, o carro riscado, cocó de cão no puxador da porta... o autocolante é uma forma muito civilizada de mudar consciências, acredite!

      Eliminar
    7. Acho piada a esta escumalha que priva os peões, ou seja, todos nós, da possibilidade de circular no local a que têm direito, e depois vem para aqui cometer o crime de ameaças porque lhes colaram um autocolante no vidro lateral, coisa que, ainda por cima, não é crime nenhum. Só é pena haver tão poucos autocolantes, mostra bem o país de cobardes que somos. Eu sou automobilista, e o passeio é para mim - quando saio do carro!

      Eliminar
  4. Para a próxima quem colocou o atocolante , vai engolilo, o carro esta num passeio com mais de 15 m2 e ninguém passa naquele sitio, ao menos onde ta o carro nao vai haver merda de cão e mais se esse cidadão que se preocupa tanto que me ligue pois esta lá o meu contacto e não pôs nos outros carros porquê? Uhm é que eu tb tenho casa nessa rua ...... Liga me pra saber ques és.......

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diz lá onde moras, para saber se fui eu e irmos beber um café (ou então colar-te outro autocolante hoje à noite).

      Eliminar
    2. Fui eu que meti o autocolante, mas nem vale a pena responder. Brevemente terá notícias, e já não vai ser um mero autocolante.

      Eliminar
  5. O direito à reclamação e indignação TODOS OS CIDADÃO devem ter... MAS NINGUÉM lhes dá o direito de colocar esse autocolantes em propriedade alheia - ainda que na via pública. Fui contemplado com um desses quando o meu carro estava (infelizmente) um metro em cima da passadeira e tinha lugar para passar uma vaca e um boi - por isso se voltar a ser INJUSTAMENTE visado vou à polícia fazer queixa !!! Se querem fazer algo útil EM VEZ DE COLOCAR AUTOCOLANTES QUEIXEM-SE À CML e JUNTAS de FREGUESIA pelas licenças que dão a empresas com frotas de automóveis que enxameiam as ruas, a cafés cujos clientes estacionam em qualquer lugar, a deficientes (que não são profundos) e têm lugar para os seus Mercedes e Jaguares na porta e a outras situações que fazem com que os LUGARES ESCASSEIEM! Isso seria serviço público e não essa INFANTILIDADE :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E queixemo-nos também à Nossa Senhora de Fátima por o mundo ser tão injusto. Até podiam caber tres bois, ou quem sabe, uma quadriga; o facto de estar na passadeira (ou mesmo antes da mesma) é ilegal, e é um acto nobre de cidadania adeverti-lo para tal, sem dolo ou dano, na sua mui preciosa propriedade privada ambulante e poluidora. Se defecasse no passeio à sua porta, porque estava mesmo aflito para fazer cocó, o que faria o caro Anónimo no exercício da sua cidadania?

      Eliminar
  6. Não percebo como podem ter sequer a lata de dizerem que não são vândalos. Isto é a maior falta de respeito e de consideração pelas pessoas que chegam tarde a casa depois de um dia enorme de trabalho e o único lugar que resta é um espaço que em nada influência a passagem do peão em cima do passeio. Vocês são uns autênticos vândalos ao estarem a proporcionar esta acção. Isto é absolutamente ridiculo e se as autoridades não multam os carros não são você que têm que andar a colocar autocolantes foleiro nos mesmos. É que não fazem um risco na pintura mas não sei como raio vou retirar o autocolante dali pois é daqueles que cola mesmo com forca. Não sei se têm noção que estão a por em perigo a vida das pessoas uma vez que um autocolante destes difícil de tirar e grande como é tira visibilidade à condução. Espero que ganhem consciência e que parem com este movimento completamente absurdo. Realmente quem teve esta ideia deve ser mesmo burro e ao preocupar-se com uma questão como esta e aposto que de certeza que no dia a dia faz acções muito piores do que estacionar em cima do passeio. Coloquem a mão na consciência e pensei que isto se calhar pode ser mais prejudicial do que vantajoso para vocês.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois o meu caro é que deve colocar a mão na consciência, e decidir se o Código da Estrada é ou não aplicável quando chega tarde a casa. A minha consciência não só está perfeitamente tranquila, como já libertei um passeio que uso e que centenas de crianças usam todos os dias de automobilistas que achavam que esse passeio "lhes dava jeito", e isso sem ter tido sequer maus encontros, pelo que a coisa é mesmo vantajosa. E diga-nos lá, se o movimento fosse "completamente absurdo", como tem a audácia de afirmar, estaria aqui a introduzir esta mensagem? E olhe, vá chamar vândalo a outro, porque eu já colei dúzias deles e não sou vândalo nenhum.

      Eliminar
  7. Queixa efetuada na PSP. Vamos ver quem são os corajosos agora. Concordo que não se estacione em passeios quando isso impede as pessoas de circular á vontade, mas em passeios grandes, que os carros não fazem mal a ninguém... Vandalismo é o que vocês fazem. Ganhem cabecinha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diga-me lá qual o artigo do código (presumo que tenha passado no exame) que refere que estacionar em "passeios grandes" é legal

      Eliminar
    2. Oh campião! Presumo que a PSP, tão zelosa que é; passou-te logo a multa por estacionamento ilegal!

      Eliminar
  8. Diz lá então onde moras, que passo/passamos por lá ainda hoje.

    Boa sorte com a polícia. Aqui fica alguma informação quanto a legalidade do acto em questão:
    http://www.passeiolivre.org/2009/04/legalidade.html

    ResponderEliminar
  9. Só vejo é Anónimos a responder a Anónimos.
    Cambada de cobardes!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Atenção à navegação: o Miguel milhafre é um troll
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Troll_(internet)

      Eliminar
  10. Caro anónimo das 15:04, estacionar em cima do passeio é ilegal ponto. Não há cá se o passeio é largo ou estreito. Para além de ser ilegal dificulta a mobilidade principalmente dos peões de mobilidade reduzida que são mais de 1 milhão de pessoas em Portugal, estraga as calçadas, dá má imagem ao país e ainda pode causar acidentes pelos peões se verem obrigados a circular pela estrada. Repense a sua atitude. Cumprimentos

    ResponderEliminar
  11. Já agora, alguem sabe porque é que os autocolantes têm demorado tanto a vir? Estou a precisar de mais!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. já pedi autocolantes em janeiro e não chegaram... voltei a pedir em fevereiro e não chegaram... voltei a pedir em abril e foi a mesma coisa. Pus mãos à obra e mandei fazer os meus próprios autocolantes numa gráfica online, problema resolvido :P

      Eliminar
    2. Qual o nome da gráfica? Podem ser feitos em A4?

      Eliminar
    3. Gráfica Articosta, fica em Alverca. Não em A4 não pode ser, é demasiado grande.

      Eliminar
    4. O Miguel Falcão é troll, atenção que a info deve ser falsa

      Eliminar
  12. experimente em www.360imprimir.pt

    acho que pediram cerca de 24€ por 50, mas se pedir em grandes quantidades (100, 500...) sai muito mais barato cada autocolante. Acho que também pode pedir em A4, tem vários tamanhos à escolha!

    ResponderEliminar
  13. Acho piada a esta escumalha que priva os peões, ou seja, todos nós, da possibilidade de circularmos no local a que temos direito, e depois vem para aqui cometer o crime de ameaças porque lhes colaram um autocolante no vidro lateral, coisa que, ainda por cima, não é crime nenhum. Só é pena haver tão poucos autocolantes, mostra bem o país de cobardes que somos. Eu sou automobilista, e o passeio é para mim - quando saio do carro.

    ResponderEliminar