Animais à solta no Elevador da Bica, Lisboa

O topo do Ascensor da Bica era, a meio da tarde desta terça-feira (12 de setembro), palco de uma inusitada cena, motivo de espanto para os passantes, sobretudo os muitos turistas que dali tiram fotografias a uma vista magnífica, com o aliciante de se observar o Tejo na linha do horizonte. Um automóvel particular estacionado no fim da linha, junto ao Largo do Calhariz, impedia o elevador, que, desde 1892, sobe e desce a Rua da Bica de Duarte Belo, de completar os últimos metros do seu percurso. Mas se tal não parecia incomodar o trabalho do guarda-freio, com os passageiros a entrarem e saírem do ascensor, a bizarria de tal quadro não deixava de suscitar comentários. E constituir-se como evidência da persistência, por parte de alguns automobilistas, de uma atitude de óbvio desprezo pelo espaço público.


Sem comentários:

Publicar um comentário