O estacionamento em Lisboa está em saldos há 40 anos

Enquanto em Lisboa a EMMEL continua a considerar que estacionamento na via pública é "direito constitucionalmente consagrado", oferendando aos munícipes com automóvel, 12 metros quadrados de espaço público pela simbólica quantia de 12 euros por ano, ou seja, 1 euro por metro quadrado-ano na capital de Portugal, na mesma capital onde um apartamento de 50 metros quadrados ultrapassa os cem mil euros; nas cidades onde os apartamentos são igualmente onerosos como é o caso de Amesterdão, o preço do espaço público e do estacionamento obedece, justamente, ao mesmo paradigma de preçários sem qualquer tipo de discriminações injustificadas.

Pois em Amesterdão uma avença anual para estacionar o automóvel no centro da cidade 24 horas por dia, custa 13281 euros. Escrevemos por extenso pois tememos que podeis não ter percebido bem: treze mil, duzentos e oitenta e um euros por ano, é o que custa uma avença anual de estacionamento em Amesterdão. Já a avença congénere em Lisboa nos parques da EMMEL, não chega aos 80€ por mês, cerca de 960€ por ano, cerca de 14 vezes menos que em Amesterdão. E não, não há paridade-poder-de-compra que alguma vez justifique estes números.

fontes:
-https://www.q-park.nl/nl/parkeren-bij-q-park/per-stad/amsterdam/de-bijenkorf
-http://www.veraveritas.eu/2015/04/retorno-sobre-investimento-dos-parques.html

No centro de Amesterdão, uma avença de estacionamento 24/h por dia, custa cerca de 13 mil euros por ano.
Em Lisboa, uma avença mensal no centro custa 80€, 960€ por ano.

Sem comentários:

Publicar um comentário