No Alto de São Popó, Lisboa

Avé Lisboa cheia de Graça
o Popó é convosco
Bendita sois Vós entre as cidades 
E bendito é o fruto do egoísmo, o carro
Santa Lisboa, mãe dos Lusos
rogai por nós infractores
agora e na hora da coima.
Amén

Estamos aqui hoje reunidos irmãos, neste sacro dia onde se aclama e sublima o nosso santo popó, para vos saudar e partilhar convosco as miraculosas e salvíficas images das ruas Sousa Viterbo e da paralela Rua Braancamp Freire no Alto de São João. Nestas ruas, o estacionamento é desde há muito autorizado em cima do passeio.

Escutai irmãos e atentai no espírito que uma das maiores virtudes cristãs é o respeito pelo próximo, o idoso, o vulnerável, a grávida, o deficiente motor, o invisual ou o amblíope. Devemos amá-los e respeitá-los antes mesmo de a nós próprios. Amar tal como Jesus amou.

Assim, em nome do Sumo Pontífice e de uma bula diretamente redigida pelo Espírito Santo, aqui se declara que todos aqueles que estacionaram os seus veículos no passeio são considerados hereges e não terão o lugar no reino dos céus. 

E de que vos vale o lugar no passeio, violando as redentoras premissas da Caridade, se o lugar nos céus vos fica vedado? A Verdade irmãos, é que estais longe de, à luz dos desígnios do Senhor, carregar a cruz de Cristo pois movei-vos apenas pelo Egoísmo e Preguiça, pecados capitais que São Tomás de Aquino tão sapientemente doutrinou nas actas da Salvação.

Rogo-vos irmãos, em nome da Cristandade que dizeis professar, respeitai o próximo e o vulnerável e jamais estacionai sobre o espaço pedonal.

Que o popó não esteja convosco. Vade retro!
"Ele está no meio de nós"

Sem comentários:

Publicar um comentário