RESTELO - PARQUE DA DIVISÃO DE TRÂNSITO DA PSP


Divisão de Trânsito - Parque do Restelo, trânsito proibido excepto reboques

...e lá estão os belos reboques, demasiado parados, talvez avariados ou sem dinheiro para o combustível.

E começa a vergonha, mesmo mesmo ao lado do parque dos reboques... é possível?


Que bem que se está à sobrinha e bem guardado.

E tudo isto bem nas barbas daquele que deveriam zelar pela legalidade do estacionamento.

se julgam que até agora era mau, enganam-se, há um parque enorme, gratuito e sempre vazio mesmo a dez metros!

PODE LÁ SER!


Cliquem na imagem e confirmem pelo vosso próprios olhos!

19 comentários:

  1. Realmente, pergunto-me para onde vai o dinheiro que esses srs recebem do Orçamento de Estado, que por sua vez sai do meu bolso!

    ResponderEliminar
  2. Rapaziada, hoje vinha a pensar no problema do estacionamento e ocorreu-me se não seria interessante organizar um 'blitz' de colagem de autocolantes. Explico melhor, um dia em que combinavamos e batiamos por exemplo toda uma zona de Lisboa a colar autocolantes! E tentavams repetir durante uma série de dias consecutivos! Havia de ser interessante verificar se efectivamente produziamos algum impacto!

    ResponderEliminar
  3. Infelizmente, é a triste realidade. Conheço bem a zona porque vivi vários anos na Freguesia da Ajuda e agora vivo na de Balém, mesmo no final da Av. das Descobertas.
    Sempre foi assim e não há nada a fazer. Por mais parques que a Autarquia disponibilize, mesmo gratuitos, o português (seja de que classe social for) gosta é de andar pouco a pé, que é uma grande maçada. O que é bom é ter o quarto mesmo junto à casinha, e de preferência dentro do campo de visão, porque melhor ainda é poder olhar para ele sempre que se quiser, não vá ele fugir...

    Continuo a achar que a única solução tem que vi de cima, do Ministério da Administração Interna. Tem que se dar meios à PSP (mais reboques, MUITOS reboques) e pressioná-los para autuar os prevaricadores sem dó nem piedade. Isto só lá vai (numa primeira fase) com muita repressão. As pessoas já acham que é normal estacionar-se onde se quiser e puder e isto já não vai lá com miminhos. Tem que ser à força bruta. E à força bruta é com multas a torto e a direito, que onde mais dói é na carteira. Talvez aí a sensibilização cívica já lhes comece a entrar na cabeça.
    Até não vejo porque não se deveria aplicar novamente o princípio da comissão dos polícias sobre as coimas. Pelo menos na área de infracções relacionadas com o estacionamento. Quem não deve não teme.

    ResponderEliminar
  4. ERRATA: onde diz 'o que é bom é ter o quarto mesmo junto à casinha' deve ler-se 'o que é bom é ter o carro mesmo junto à casinha'

    Isto já é o sono.

    ResponderEliminar
  5. Também conheço esta zona e realmente é inacreditável como as pessoas agem! Como aqui já foi dito, isto já não vai nem com paninhos quentes, nem com autocolantes nem com outras "doçuras"... tem de ser mesmo à mocada e à mocada que se entenda por MULTAS e REBOQUES. Só começando a entrar na carteira destes tipos e começar a doer a sério, a coisa irá ao seu lugar!

    ResponderEliminar
  6. E depois andamos para aqui com movimentos de cidadania e o caraças, quando a propria autoridade não se dá ao respeito. VERGONHA

    ResponderEliminar
  7. Anónimo das 0:04:
    De "falta de meios" gosta muito a polícia de se queixar. Mas o problema é que a polícia não actua nem com os meios que tem. O problema é falta de competência. O problema é que a polícia fecha os olhos ao estacionamento no passeio, que não tem sido socialmente mal visto. Dizem-se disparates do tipo "os condutores não têm alternativa". A polícia "compreende". Digam-me: alguma vez viram um polícia multar um carro em cima do passeio? É que eu não...
    Temos uma polícia muito, muito, muito má.

    ResponderEliminar
  8. Rui: a ideia até era boa. Mas se combinássemos através deste blogue um dia, hora e local, estaríamos a anunciar a nossa presença, o que se calhar não é lá muito boa ideia...

    ResponderEliminar
  9. Apontar-lhes lugares livres ao lado não resulta. Porque eles respondem: "quando eu aqui estacionei, não havia lugar nenhum livre". O que está a dar é apanhá-los mesmo em flagrante, no momento em que estacionam...

    ResponderEliminar
  10. Fantástico!
    Não só tiram fotografias espectaculares, como se fosse o último dia das suas vidas. (aliás, percebe-se perfeitamente que não fazem mais nada vida se não viver para a causa) Como até já se organizam em 'batalhões' para colagens. tá bonito tá.

    E uma praiazinha? não? não gostam, são assim tão suburbanos? ou um passeio pelo campo a ouvir os passarinhos?

    Sempre tiravam fotografias muito mais interessantes...

    ResponderEliminar
  11. Se repararem bem o condutor do peugeot está dentro do carro, provavelmente a ouvir uma musiquinha à sombrinha!

    ResponderEliminar
  12. Anónimo das 10:36: vá então para a praia, leve o seu carrinho e não volte!

    ResponderEliminar
  13. De que nos repreende exactamente o das 10:36?

    ResponderEliminar
  14. De não irmos prá praia apanhar cancro de pele, ou para os centros comerciais comprar porcarias ou sabe-se lá o que mais é que esse sr faz nos seus tempos livres!

    ResponderEliminar
  15. Ao "anónimo" das 10:36: a esta horinha já devia estar na praia a apanhar uns banhitos de sol, n'é? Atão por que raio vem para aqui chatear quem não gosta de praia? É uma contradição ennnnnoooorrrrmmmmmmeeeeee a sua, porra! Diz ao outros para irem para a praia e anda por aqui? Só me saem é duquesas...!

    ResponderEliminar
  16. Será que nesse parqe há o "livro amarelo"?

    ResponderEliminar
  17. "os condutores não têm alternativa" (e por isso não se os multa). se algum policia chico esperto vos responder isso, peçam-lhe a morada e perguntem a ele se lhe podem assaltar a casa se ficarem sem emprego, pois não têm alternativa. vão ver a carinha de parvo com que ficam.

    ResponderEliminar
  18. sou contra os polícias a ganharem comissão nas multas que passam. Cá em Coimbra a polícia municipal funciona dessa maneira, e é vê-los sempre apinhados nos sítios em que a sinalização é ambígua. Os passeios, esses, continuam cheios de carros em cima...

    ResponderEliminar
  19. Boa tarde,
    Tem toda a razão no que diz e acho que dever ser punidos aqueles que não compram, mas a uma coisa em que não se fala, os automobilistas tem de comprir a lei seja qual ela for, a lei também diz que é proibido os peões passar a estradar fora da passadeira e ate hoje não vi ninguem a ser multado,tanto os condutores como os peoes se respeitassem a lei nao averia tantos atropelamentos.
    pensei la no que eu disse...
    Abraços

    ResponderEliminar