Institucionalização dos abusos

«...exemplo da institucionalização dos abusos, este no IST:
Outro exemplo de supremo desrespeito pelos peões, pela cidade, pelos concidadãos, é a transformação em parque de estacionamento e respectivos acessos do passeio marítimo ao longo do Tejo, nomeadamente em frente alguns espaços comerciais "chiques":

É "o Tejo para as pessoas"...»
Contribuição de uma leitora, 04Abr09



36 comentários:

  1. É realmente "o Tejo para as pessoas". Porque as pessoas não conseguem se deslocar sem ser de carro. Alguém na Câmara meteu dinheiro ao bolso com estas cedências. Mais palavras para quê...

    ResponderEliminar
  2. Então mas não vêm?? O Tejo é tão chique que é como um drive-in!!! Primeiro "Drive-in'to the river"! Estamos na vanguarda meus caros!

    Sarcasmo é qualquer coisa ;)

    ResponderEliminar
  3. essa do IST é de clamar por um senhor engenheiro. Ai está a educação ao mais alto nível, e vergonha na cara!

    ResponderEliminar
  4. São engenheiros sim senhor... Só pode!

    ResponderEliminar
  5. Isso não é o IST, é o aviário dos patos-bravos!

    ResponderEliminar
  6. Em relação ao passeio marítimo, foi enviada para a junta e a câmara um email a relatar o que lá se passa, cc. para o jornal da região.

    ResponderEliminar
  7. Aqui no IST os carros estacionam nos passeios, e as pessoas andam pela estrada.

    Existe um parque de estacionamento no pavilhão de Eng. Civil, existe parqueamento em redor do campus, existe até parqueamento junto da estação de metro da Alameda e no antigo terminal de autocarros do Arco do Cego.

    Porquê esta sofreguidão toda para mais uns 100 lugares de estacionamento? Para os srs. drs. não terem de pagar parquímetro? Não sei como ainda não fizeram uma rampa para a avenida principal do campus, sempre duplicavam o número de vagas. E já agora arrasar com os jardins...

    Não se entende: este local está muito bem servido em termos de transportes. Porquê chegar ao ponto de autorizar o estacionamento na calçada?!

    ResponderEliminar
  8. Pequena correcção: já existem rampas para a avenida principal do IST. Só falta mesmo pintarem a linda calçada com riscos brancos para os srs. drs. saberem onde podem pousar as rodinhas.

    Não percebo a demora.

    ResponderEliminar
  9. porque quem autoriza tb o faz...

    ResponderEliminar
  10. eu encheria os carros que estão em cima do passeio (com demarcações ou não) de autocolantes. depois vão-se queixar a quem autorizou isso,

    ResponderEliminar
  11. se não me engano as pessoas que muito bem iniciaram este passeiolivre são de engenharia de transportes no IST... como é que é possível que não envolvam as pessoas com poder de decisão no IST nesta iniciativa? será assim tão díficil falar com o reitor ou presidente do IST para que os abusos não comecem em casa?

    ResponderEliminar
  12. 14h47: Há pessoas a planear algo nesse sentido. E informo que sou de Eng. Informática.

    ResponderEliminar
  13. «Anónimo disse...
    Isso não é o IST, é o aviário dos patos-bravos!
    26 de Maio de 2009 11:50»

    Com poucas palavras se diz a verdade!

    ResponderEliminar
  14. Vocês são ridículos... reclamar pq os carros estacionam em cima do passeio no IST... RIDÍCULOS.

    Primeiro... 99% dos utentes dos "passeios" do IST são ou alunos ou docentes ou funcionários.

    Agora, desses 99%, quantos de vocês atravessa nas passadeiras do IST? Eu só conheço UMA pessoa que atravessa SEMPRE nas passadeiras, dentro do IST.

    E nem todos os passeios se encontram ocupados, apenas alguns.

    E tenho a certeza que caso não existissem carros em cima do passeio, a maior parte das pessoas continuaria a "circular" na estrada. Até pq aquilo não é bem uma "via pública" uma estrada nacional... é um campus universitário.

    ResponderEliminar
  15. Anónimo 26 de Maio de 2009 13:09

    Onde se encontram tais rampas que dão acesso à Alameda do IST??

    ResponderEliminar
  16. Não tens blogs mais ao teu género onde gastar as tuas «maroscas»?
    De certeza que não faltam se os procurares, tal como o estacionamento, o que não faltam é lugares, só tens de procurar.

    ResponderEliminar
  17. Anónimo 26 de Maio de 2009 13:12

    "Regras para colagem

    1. O autocolante só deve ser usado quando um veículo está estacionado

    * no passeio, num local onde o estacionamento no passeio não esteja explicitamente autorizado pela sinalização"

    ResponderEliminar
  18. Um veículo estacionado no passeio cria as mesmas dificuldades aos peões, quer o estacionamento esteja explicitamente autorizado, quer não. Pode ser legal, mas é imoral à mesma. Ainda assim, compreendo a opção dos autores do blog. Sugiro, nesses casos, que os autocolantes sejam colados nos sinais que permitem tal abuso, dada a dificuldade de o fazer na testa dos responsáveis pela decisão de os colocar.

    ResponderEliminar
  19. Muito espirituoso, sim sr. temos engenheiro!

    ResponderEliminar
  20. Anónimo 26 de Maio de 2009 23:01

    Um aplauso... afinal ainda existe coerência e consciência nos comments deste blog.

    Já tive a mesma discussão... ilegal/legal/moral/imoral.

    ResponderEliminar
  21. Ao anónimo das 22:37
    Acabas a tua vergonhosa intervenção a dizer que nem sabemos se tens carta de condução.
    Pois aí é que tu te enganas! Basta ler o que escrevinhaste, para termos a certeza de que nem daqui a 100 anos conseguirás ter uma carta de condução. Caso não saibas, para a tirares é necessário saber ler e escrever, coisa que decididamente não sabes.
    Talvez ainda vás a tempo: começas na pré-primária e vais por aí acima até conseguires alinhavar duas frases seguidas.
    Força rapaz, e na próxima vez que aqui venhas, vê se ao menos tens a inteligência de arranjar um nome ou um pseudónimo que possa referenciar-te, para não teres que ser referido como o anónimo da hora a que tens aquelas diarreias mentais.

    Faísca

    ResponderEliminar
  22. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  23. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  24. Caros comentadores
    Tem sido princípio deste blog não submeter os comentários a qualquer tipo de censura, pois defendemos os princípios constitucionais da República; porém a liberdade de expressão termina exactamente onde começa a prática dos crimes contra a honra.
    P/PasseioLivre

    ResponderEliminar
  25. essa dos autocolantes nos sinais até que é engraçada. não um, mas encher a porcaria do sinal com eles. voluntários no IST?

    ResponderEliminar
  26. pelo menos no chão em cada uma das marcações ilegais. depois tirar uma foto e mandar para os responsáveis.

    ResponderEliminar
  27. "ILEGAIS, pq??? então o espaço pertence ao IST... se eles quiserem até mandam tirar os passeios, para alcatroar td."

    Pois mandam, mas isso nao impede que discordemos, e que tentemos sensibilizar a equipa de gestão do estacionamento do IST.

    Quanto às rampas para a "avenida" do IST (nao lhe chamem alameda, aquilo é um laranjal) estão na continuação das estradas que vêm pela traseiras das torres, ou seja: entre a torre norte e os pavilhões de mecânica, e entre a torre sul e o espaço desportivo. Felizmente têm barreiras, mas basta tirá-las e pintar umas riscas na calçada para transformar a avenida em parqueamento.

    ResponderEliminar
  28. cambada de filhos da puta e mais o vosso lápis azul.

    apaguem lá (+) este post, se ficam felizes.

    só apagam o que vos (não) interessa.

    ResponderEliminar
  29. Realmente não se pode exigir de todos o mesmo, tem tuda a ver com a educação de cada um.
    A culpa é dos paizinhos.

    ResponderEliminar
  30. TIREM OS CARROS DOS PASSEIOS PORRA

    ResponderEliminar
  31. isto é tudo muito simples de analisar. Esta gente contra movimentos deste tipo é atrasada, em termos de evolução social, civilizacional ou meramente de boa educação e respeito. TIREM OS CARROS DOS PASSIOS porra!

    ResponderEliminar
  32. Isto é o que autoridade do Porto de Lisboa tem a dizer. Inacreditável:

    "...que apesar dos esforços desta Administração em assegurar o desimpedimento dos acessos pedonais à zona ribeirinha, o facto é que a oferta de estacionamento junto aos estabelecimentos “BBC” e “Piazza di Mare” não é suficiente para fazer face ao volume de veículos que aflui à zona, tendo-se verificado, por várias vezes, situações de trânsito susceptíveis de causar acidentes na Av. de Brasília.

    Embora compreendendo-se as razões invocadas, às quais esta Administração não é alheia, a utilização para estacionamento de parte do passeio marítimo foi a solução provisória e a título excepcional encontrada para, a curto prazo, colmatar esta situação.

    Agradecemos o interesse demonstrado por V. Exa., na certeza porém, que serão tomadas diligências para garantir alternativas à solução provisória ora encontrada, nomeadamente o reordenamento do estacionamento na zona."

    Como estas decisões "temporárias", costumam durar anos, em resumo, o que eles querem dizer é: os peões que se f...m

    ResponderEliminar
  33. essa do ist não é dentro do mesmo? se assim é podem fazer o que quiser

    ResponderEliminar
  34. "essa do ist não é dentro do mesmo? se assim é podem fazer o que quiser"

    Pois podem, mas....

    Vou citar uma resposta acima:
    "[...] mas isso nao impede que discordemos, e que tentemos sensibilizar a equipa de gestão do estacionamento do IST."

    ResponderEliminar
  35. Mas afinal é muito fácil de resolver o problema que tanto vos preocupa:
    OS CARROS EM CIMA DOS PASSEIOS !
    Facílimo:
    Caros automobilistas, tirem os carros de cima dos passeios, e cumprindo as leis, simplesmente estacionem na rua ao aldo dos passeios!
    Basta verificar a não existência de qualquer sinal de proibição de estacionamento.
    Assim cumpre-se a lei, não se estragam os passeios, passam os ceguinhos, as velhinhas, os carrinhos de rodas, etc..
    E depois por onde passam ps carros e carrinhos e carrinhas?
    É tão fácil fazer demagogia barata...

    ResponderEliminar