O ilegal foi legalizado na av. Gago Coutinho em Lisboa

Imagine caro concidadão, que era responsável por uma entidade pública e que recebia várias queixas dos seus cidadãos perante situações ilegais, neste caso, estacionamento sobre espaço pedonal, que constitui uma clara ilegalidade à luz do art.º 49.º do Código da Estrada. Como resolver este problema jurídico, mantendo-se o status quo? A resposta à la instituição portuguesa é deveras simples: legalizando o ilegal. Complexo? Nem por isso, as imagens falam por si!

Avenida Gago Coutinho em Lisboa,
note-se o passeio à direita repleto de carros

O carro vermelho está, de acordo com a sinalética
"legalmente estacionado", mesmo que o espaço entre o carro
e a parede seja menos de meio-metro!

Não há por acaso nenhum cidadão consciencioso, nobre e honroso, que esteja disposto a derrubar, destruir, dizimar ou vandalizar este sinal da Av. Gago Coutinho, como sinal de protesto? Será que é este o futuro da cidade de Lisboa, colocar um sinal destes e converter cada passeio, em estacionamento legal?