Apontamentos de Lagos





Estado habitual em toda a zona da Ameijeira - e não só, claro...
*
Como já aqui se referiu, Lagos tem, ao seu dispor, uma infinidade de lugares de estacionamento gratuito, bem distribuídos pela cidade, de boa qualidade e devidamente assinalados. Ora, perante a mais espantosa passividade das autoridades, o que se passa é o "faça o que quiser".
*
Aqui, a 1ª imagem mostra uma zona em que uma dezena de pilaretes garante alguma protecção aos peões que ali passam. Em compensação, pode também ver-se o que fazem certos condutores quando encontram uma fresta para meter a carripana!
*
Mesmo ali ao lado (fotos de baixo), um café e outros tantos condutores encarregam-se de mostrar a quem pertence, de facto, o passeio. E repare-se no requinte das floreiras, ali colocadas para que os carros não invadam o resto do espaço pedonal que, pelos vistos, é "propriedade" do café.
*
Mas, no fundo (e a avaliar pela total passividade dos moradores e peões prejudicados), é assim que a malta gosta - até porque, que se saiba, o problema do flagelo do estacionamento selvagem não foi minimamente abordado durante a recente campanha eleitoral.

Av. Filipe Folque: uns pagam, outros roubam

Av. Filipe Folque, Lx, zona amarela da EMEL: uns pagam o lugar de estacionamento, outros roubam o espaço das pessoas...