Uma anedota chamada Câmara Municipal de Lisboa

Transcrevemos na íntegra uma missiva enviada por um dos nossos leitores, que após ter enviado a ocorrência n.º OCO/109035/2013 para a CML, a propósito da putativa legalidade do estacionamento de veículos em cima do passeio, recebeu esta anedótica resposta por parte da Polícia Municipal e da CML.

_____________________

Encaminho para vossa informação este chocante exemplo de estacionamento LEGALIZADO em cima de um passeio no Campo de Santa Clara. Solicitei no mês passado o seguinte esclarecimento à Polícia Municipal: estacionar em cima deste passeio fronteiro ao Tribunal é legal? A resposta está em baixo e é chocante. Sim, é legal em Portugal os funcionários de um Tribunal estacionarem em cima de um passeio.
Cumprimentos

_____________________________________

A resposta da CML e da PML:

Caro Munícipe ***********

A Câmara Municipal de Lisboa agradece o seu contacto e informa que a Ocorrência OCO/109035/2013 foi resolvida.

Informo V. Ex.ª que, no pretérito dia 06AGO2013, pelas 15h05, esta brigada, deslocou-se à artéria supramencionada, com o intuito de verificar o teor da denúncia. No ato da fiscalização, verificamos os factos denunciados, tendo apurado que o estacionamento no local está autorizado pelos sinais de trânsito devidamente afixados, indicando a forma de estacionamento, o horário permitido e a entidade autorizada.

Obrigado pelo seu contacto.

Com os nossos melhores cumprimentos.

______________________

Perguntamos aos edis da CML se também é legal aos peões estacionar no meio da estrada se houverem "sinais de trânsito devidamente afixados, indicando a forma de estacionamento, o horário permitido e a entidade autorizada".

Isto é um escândalo, que a atual vereação Costa perpetua, e que nada fez para combater. Não nos iludamos, a promessa eleitoral do Dr. Costa nas últimas eleições foi o TOLERÂNCIA ZERO ao estacionamento ilegal.

A malta do "estamos a trabalhar", rua Coronel Bento Roma, Lisboa

Chegado por email
 
Bom dia.
 
As fotos que envio em anexo ilustram o cenário habitual na rua Rua Coronel Bento Roma (especialmente junto à entrada da garagem da REN e da oficina da BMW).
 
Carros em cima dos passeios, sem qualquer respeito pelos peões numa zona de responsabilidade da EMEL! Uma vergonha!
 
Reparem que nas últimas três fotos tiradas hoje mesmo, o "profissional" dos CTT estacionou em cima do passeio, quando tinha PRATICAMENTE TODOS os lugares da rua vazios!
 
Cumprimentos,
 
***Leitor identificado*** 
 














Lugar de estacionamento para Jipes


Esta imagem, que está a ser famosa nos fóruns de amantes de todo o terreno, e de jipes, e pelas redes sociais, relevando a supremacia e adaptabilidade de um jipe a várias condições de terreno, revela, infelizmente, que no imaginário coletivo, os passeios, as escadas, os espaços verdes e os espaços pedonais, são locais onde se pode estacionar.

É por esta razão, que o Passeio Livre, se entristece como são abordadas certo tipo de notícias pela comunicação social, mais precisamente um automobilista que estacionou em cima de um jardim na zona de Cascais, destruindo espaços verdes e matando plantas, ainda nada pagou por tal infração, e à luz de muitos, não passa de uma vítima.



A Câmara Municipal de Lisboa está de PARABÉNS!

Deixamo-nos enganar? Claro que não! Nem nunca colocaremos em causa as nossas independência e idoneidade.

Bem sabemos que se trata de uma obra que só existe porque estamos à porta de eleições autárquicas, todavia houve coragem política para enfrentar a hegemonia do automóvel no campus da cidade universitária em Lisboa. Reduziram-se drasticamente a largura das vias de trânsito, aumentou-se o espaço pedonal de forma substancial, criaram-se jardins e novos espaços verdes, implementaram-se medidas físicas de acalmia de tráfego, combateu-se eficazmente o estacionamento ilegal, enfim, projetou-se uma zona da cidade a pensar nas pessoas, nos munícipes e nas suas qualidades de vida.

A cidade continua num caos na generalidade, no que concerne o estacionamento ilegal e a vereação Costa fez muito pouco ou quase nada para combater este flagelo, todavia sabemos também, e por isso é que congratulamos a CML, que apesar de ser uma obra cuja natureza ocorre apenas de 4 em 4 anos, é uma obra cuja vitória para os peões está garantida, nesta zona não há volta a trás. Esta batalha pela cidade, e pela qualidade e segurança do espaço pedonal está ganha, por isso mais uma vez, damos os parabéns à CML por esta obra.

 
AGORA
 
 
 
 
 

 

ANTES

 
 
 
 
 
 
 
Como é prazeroso, seguro e edénico habitar numa cidade sem carros!

Créditos: Fotografias de Pedro Nóbrega da Costa e do Google Maps

Na Ericeira, não escapa um!

Tudo o que é passeio que não tenha uma barreira física, tem um carro lá em cima... e as passadeiras também não escapam!