Vote no TOP 25 TROGLODITA!

O Passeio Livre teve a sua primeira publicação em princípios de 2008, o que significa que está prestes a fazer 5 anos de existência! Desde então recebemos milhares de fotografias de estacionamento abusivo e de usurpação do espaço público! Após alguma procura decidimos fazer um TOP 25 de algumas das situações mais caricatas!

Pedimos que vote nas situações que considerar mais gritantes! A votação estará em aberto por alguns meses, e o resultado é público à medida que se vai votando. O vencedor, receberá do Passeio Livre, o prémio TROGLODITA, que consiste num cheque-ensino de aulas grátis de civismo e de Código da Estrada!




  • Elefante laranja em cima da escadaria!

  • "Sou grande e ocupo passeios sempre que me apetece"

  • "Aqui encaixa mesmo bem"

  • "É para deixar passa o elétrico"

  • "Se tivesse um jipe, subia mais uns degraus"

  • "Isto com um jipe o passeio sobe-se melhor"

  • "Deixemos o elétrico passar"

  • O banco do Amor!

  • "Eu dou espaço para os peões passarem"

  • "Se o peão passa, deixa lá tentar"


  • "Eu sou inválido" (intelectualmente falando, claro está)


  • "Ai daquele que tocar no meu carro!"


  • Isto com um todo-o-terreno é outra coisa!


  • "E quem disse que não cuidamos do espaço público?"


  • "São 200 cavalos, isto sobe tudo"


  • "Raio para os pilaretes!"


  • Autopasseios, Mecânica de Automóveis, LDA.


  • "Os velhos têm pernas é para andar"


  • "Eu não tragos os meus filhos bebés para a rua, ficam em casa!"


  • Partida do Lisboa-Dakar


  • "Vamos ver se não descai..."


  • "Encostadinho ao degrau é que fica bem!"


  • "Saltem por cima! Mas ai daquele que tocar no carro!"


  • "Um jipe na cidade faz milagres"


  • "Tá-se bem aqui debaixo da árvore!"

Micro passeios na Travessa das Mercês


em Lisboa, no Bairro Alto, em zona gerida pela EMEL...

Três em Linha


Queria apenas partilhar convosco este 3 em linha em cima do passeio.
Três em linha dá pontos certo!?
Se a polícia aparecesse tinha o dia feito...
Queria eu passar com o meu carrinho de bébé e tive de ir para a estrada...
Enfim...É o país que temos.
Um abraço e continuem o bom trabalho,
*** Leitor identificado ***
PS - Apaguei as matriculas porque não quero ser processado por ninguém. Apenas quero que sirva de exemplo.

Nota do PL: Fique descansado que o Passeio Livre nunca revela os nomes dos seus contribuidores!

A questão dos pilaretes no planeamento urbano!


Todos concordamos que a cidade ideal não devia ter pilaretes.

Mas com a falta de civismo que temos em Portugal, teremos de concordar que os pilaretes são um mal menor.

Vejam este exemplo na Rua de S. Sebastião da Pedreira: onde foram colocados pilaretes os peões conseguem usar os passeios; mas onde não há pilaretes... é o império do estacionamento!

Esta rua é aliás um perfeito caso de estudo: a maior parte do tráfego é pedonal, mas o arruamento ainda está maioritariamente dimensionado para o tráfego automóvel.

E numa rua tão estreita (porque muito histórica!) já não deveria existir estacionamento à superfície. Com a supressão do  estacionamento podia a CML alargar os canais pedonais e assim dar resposta às necessidades do tráfego pedonal.

** Leitor Identificado **

Passeio na Rua do Limoeiro / Largo de Santa Luzia


De um dos nossos leitores:

Já solicitei à CML o estudo da colocação de barreiras de protecção do passeio/passadeira na Rua do Limoeiro, lado do Miradouro de Santa Luzia. Este sector do canal pedonal, junto do abrigo da CARRIS, está diariamente invadido por viaturas. Muitas vezes os passageiros do 28 não podem sair convenientemente do eléctrico devido ao estacionamento selvagem. O passeio, tanto a norte como a sul da paragem, já apresenta pilaretes, faltando apenas colocar neste local.

Obrigado.

Cumprimentos,
***Leitor Identificado***

United States of Narcissism: Largo dos Loios, Castelo (Lisboa)


...OU O PLANETA EMEL.

Não me incomodem que à sombra é que estou bem!


Não me incomodem que à sombra é que estou bem!

Carris a dar o exemplo


smart da carris de vigilância dos corredores BUS em cima do passeio da praça Luís de Camões em Lisboa.

A imbecilidade não tem limites! Teleférico do parque das nações


A imbecilidade não tem limites - num local onde é inequívoca a proibição de estacionamento, aparece esta criatura que, ou trabalha no teleférico, ou simplesmente "foi dar uma volta" e fez questão de deixar ali a sua bomba "tunnificada" para todos verem... e assim nem paga parquímetro! (que raio, até para aqui chegar, teve de circular umas boas centenas de metros em cima do passeio pedonal).

Fotos tiradas no passado dia 29 de Dezembro, (Sábado) por volta das 16h30

Cumprimentos,

***Leitor identificado***

Rua Braamcamp - o exemplo não deveria vir de cima?

Anexo uma "colecção" de fotos do mesmo local. As fotos não foram todas tiradas no mesmo dia...
Acho que não é necessário dizer nada, as fotos dizem tudo.
 
***Leitor Identificado***
 




Imagem Google