E esta, hein?

Rua da Lapa
Dois carros estacionados na Rua da Lapa

Um dos nossos contribuintes envia-nos estas claras imagens e diz-nos que "os dois carros que se vêem na imagem estão ambos estacionados". Sito em Lisboa, na Rua da Lapa.


Passeios na Rua da Lapa torneja Rua de S. Domingos

Rua da Lapa - passeio
Rua da Lapa - passeio
Rua de S. Domingos - obra
Rua da S. Domingos - passeio em frente à obra


Um dos nossos contribuintes chama-nos "a atenção para esta obra a decorrer num imóvel sito na Rua da Lapa torneja Rua de S. Domingos onde não parece estar garantida a segurança e mobilidade normal dos peões, apesar da sinalética instalada pelo dono da obra. As imagens em anexo dispensam mais comentários"

Viva Portugal!!



Um constrói, o outro Ocupa


Um dos nossos contribuintes e leitores envia-nos mais estas esclarecedoras imagens da freguesia de Santa Catarina, uma zona gerida pela EMEL, mais precisamente da Travessa do Alcaide.

O nosso contribuinte refere que "as imagens são bem emblemáticas: a reconstrução/reparação do passeio ainda não está concluída mas já vemos carros estacionados em cima do passeio! Numa ponta estava o operário a reparar o passeio, e na outra ponta um carro em cima do passeio acabado de ser reparado!"

O nosso contribuinte questiona mesmo sobre a legalidade do dito passeio: "lamentamos o facto do passeio estar a ser reconstruído com as dimensões ilegais que tinha. Em vez de reperfilar o arruamento com um dos passeios já com o mínimo que é de lei, 1.20m de largura. Porque se perdeu esta oportunidade?"

Como já corrente em Lisboa, o nosso contribuinte refere em tom de desabafo que "apesar da existência de um acesso controlado a esta zona de Santa Catarina, o estacionamento selvagem continua a ocorrer em muitos locais prejudicando diariamente a mobilidade dos peões."

É este a cidade que temos? Uma cidade para os carros e não para as pessoas!!!


Av. Casal Ribeiro em Lisboa


Um dos nossos leitores e contribuintes envia-nos mais esta foto caricata da Av. Casal Ribeiro em Lisboa. O nosso leitor faz também severas críticas à EMEL, empresa que gere o estacionamento em Lisboa. O nosso leitor refere que entregou um texto reclamativo "em mão na loja da EMEL, empresa que gere o estacionamento de superfície em Lisboa. Segundo me foi dito pela simpática senhora que me atendeu, posso contar com uns três meses de espera pela resposta, se esta for emitida dentro do prazo habitual. Espero eu, também, que nesse entre-tempo ninguém seja seriamente ferido neste local. E eles que esperem também por mim, que lá pelo Natal tratarei de saber algo sobre o assunto, se esse for o caso."

O nosso leitor refere na missiva à EMEL que "ao fundo da Av. Casal Ribeiro o passeio foi ocupado com o tapume de uma obra. Foi colocada sinalização vertical e horizontal para indicar o desvio dos peões. Acontece que, em seguindo esse desvio, são os peões conduzidos à faixa central onde não podem caminhar por estar ocupada por automóveis estacionados nos lugares devidos e por vós cobrados. Assim sendo, sugiro que anulem esses lugares, permitindo o trânsito a peões ou, em alternativa, que seja colocado um corredor de segurança, balizado, onde os peões possam caminhar."



Odivelas, terra de oportunidades


Um dos nossos contribuintes e leitores, munícipe no Concelho de Odivelas e que nos enviou as fotos em apreço relembra-nos que "esta é a máxima do concelho: Odivelas, terra de oportunidades."

Será oportunidade para peões, ou só para automobilistas? Fica a questão à autarquia!


Largo Rodrigues de Freitas em Lisboa


Um dos nossos contribuintes envia-nos mais estas duas magnas fotos do Largo Rodrigues de Freitas em Lisboa. O nosso leitor, refere-nos mesmo em tom exclamativo: "que diz o homem das cavernas: não tenho outro sítio para estacionar!"



Cascais, centro histórico, zona pedonal

Travessa Frederico Arouca em Cascais

Um dos nossos contribuintes envia-nos fotos do centro histórico de Cascais, mais precisamente da Travessa Frederico Arouca

Avenida 24 de Julho?

Av. 24 de Julho, micro passeios
Av. 24 de Julho, onde os carros são imperadores

Um dos nossos leitores e contribuintes questiona-se sobre o estado lastimável em que se encontra a Av. 24 de Julho em Lisboa. 

Refere-nos mesmo que a avenida em apreço "no séc. XIX foi de facto pensada como grande boulevard arborizado à beira rio para passeio dos lisboetas. Foi por aqui também que passou a primeira linha de eléctricos da capital. Mas como chegou aos nossos dias? Reduzida a uma espécie de IP dentro da cidade. É apenas um arruamento em que os automóveis são imperadores. Já repararam nos micro passeios? Todos concordam, esta avenida tem excesso de faixas de rodagem. Quando uma cidade, capital, deixa as suas avenidas serem transformadas nisto, é porque o estilo de vida dominante está esgotado, podre, obsoleto. A Avenida 24 de Julho está doente. E enquanto Lisboa mostrar arruamentos com estes agudos sintomas, Lisboa está doente."



Lisboa Praça do Chile | Um parque vazio e um passeio ocupado

Zona no mapa - Praça do Chile, Lisboa
Parque completamente livre mesmo em frente
Passeio ocupado, desrespeitando as pessoas
Um dos nossos contribuintes, revela-nos mais um caso gritante em Lisboa, o caso da Praça do Chile. Envia-nos fotos em como se contrasta uma foto de um parque de estacionamento vazio, com carros em cima do passeio, mesmo ao lado do dito parque de estacionamento. 

O nosso contribuinte refere mesmo que deu "conhecimento à Policia Municipal, mas não crê que valha a pena, atendendo ao ao que vemos um pouco por toda a cidade. Parece que os responsáveis se demitiram das suas funções. E que a crise não sirva de desculpa, a Policia e a CML podiam fazer o seu trabalho sem por isso gastarem mais dinheiro - aposto que em multas, ao menos no inicio, até iriam ter um balanço positivo"

Estacionamento selvagem | um contribuinte indignado



Um dos nossos contribuintes, revela-nos que é constante o estacionamento ilegal de automóveis em frente à sua porta, dificultando a saída de pessoas do prédio e impossibilitando mesmo a saíde no caso de uma eventual emergência. O nosso contribuinte refere mesmo que "é frequente, diário mesmo, o estacionamento das latas com 4 rodas em cima dos passeios, em frente às portas dos prédios, nas paragens da Carris e passadeira. Nada a que já não estejamos habituados quando se vive numa selva co-habitada por humanóides e macacóides"

O contribuinte em apreço envia-nos "duas imagens com uma lata que estacionou em cima do passeio e em frente à porta do meu prédio, bloqueando uma eventual saída de emergência - seja ela de que tipo for - e demonstrando assim o extremo grau de "civismo" do infractor, sendo que a imagem já não registou a outra lata que estava estacionada e quase colada à frente desta por já ter saído. Numa emergência hospitalar, como poderia sair uma maca deste prédio? Por cima das latas?"

O nosso contribuinte refere que deixou uma mensagem no para-brisas do infrator:
"Bom dia. Gostaria de saber se quer a chave da porta do prédio para colocar o carro. Muito obrigado."

O nosso caro contribuinte, que nos enviou as fotos refere mesmo que "no fundo, é caricato, triste mesmo, que existam pessoam que possuem um cérebro e que não tenham a capacidade suficiente de discernimento para pensarem antes de tomarem este tipo de atitudes que apenas prejudicam terceiros, já que na presente situação e um pouco mais abaixo existia muito espaço para estacionar"



Lisboa versus Istanbul: estacionamento em cima dos passeios

Rua do Mirante, Lisboa
Istambul, Turquia

Um dos nossos contribuintes, faz uma comparação algo interessante entre o nível de civismo dos habitantes de Lisboa e Istambul na Turquia. O nosso leitor pergunta-nos se existe "alguma diferença entre uma cidade que está na UE desde 1986 e outra cidade na outra ponta da Europa que não faz parte da UE?"



E assim vão as escolas de condução


Um dos nossos caros contribuintes, envia-nos esta foto em como se atesta que a falta de respeito pelo peão, parte logo desde as academias de condução. A escola de condução em apreço, usa do passeio, para fazer larga publcidade fazendo uso de um veículo pesado.