Uma excelente campanha em Matosinhos: Quem incomoda, incomoda-se

Uma excelente campanha em Matosinhos em quem, entre outras coisas:

...consiste na colocação de autocolantes nos vidros das viaturas em infracção...


17-11-2010
Excesso de velocidade e estacionamento nos passeios, passadeiras, lugares destinados a portadores de deficiência, em segunda fila ou em locais afectos a cargas e descargas, são algumas das infracções que mais acidentes provocam no Concelho.

Os condutores cumpridores foram premiados com um pin de bom condutor. Esta acção faz parte de uma campanha integrada de sensibilização sobre prevenção rodoviária, promovida pela autarquia.

Desde 2009 que uma equipa de agentes municipais se deslocam a estabelecimentos de ensino públicos e privados do Concelho com o intuito de envolver toda a comunidade educativa na redução da sinistralidade. Operações STOP, projecção de filmes, sessões de esclarecimento para alunos e pais (nomeadamente para o uso correcto do sistema de retenção para crianças) e acções de sensibilização sobre os cuidados a ter na preparação de viagens longas, são algumas das iniciativas que abrangeram, já no ano passado, 1.397 crianças e, este ano, 1.745.

“As crianças são o melhor veículo para sensibilizar os pais, que conduzem diariamente. O civismo é uma coisa que se conquista. As pessoas estacionam onde não devem, não percebendo que estão a perturbar a circulação automóvel. A maior parte dos acidentes ocorre em zonas onde existem curvas, porque com o estacionamento deixa de haver visibilidade”, explicou o Presidente da Câmara Municipal, Dr. Guilherme Pinto.

A Operação STOP contou ainda com a presença da Vereadora da Protecção Civil, Dr.ª Joana Felício.

Denominada “Quem incomoda, incomoda-se”, a campanha divide-se em duas fases. A primeira - de sensibilização - decorre até ao dia 26 de Novembro. As brigadas vocacionadas para a fiscalização de trânsito da Polícia Municipal deram início a uma acção de fiscalização preventiva de trânsito, com especial atenção às zonas previamente identificadas como mais condicionadas quanto à mobilidade quer de peões quer de viaturas, entre as quais, as ruas França Júnior, Álvaro Castelões e 1º de Dezembro e as avenidas da República e Serpa Pinto, em Matosinhos, e a Fernando Aroso, em Leça da Palmeira, entre outras. Esta acção consiste na colocação de autocolantes nos vidros das viaturas em infracção e de lonas em locais de acesso ao centro de Matosinhos com indicações de parques de estacionamento, com o Slogan da Campanha “Quem Incomoda, Incomoda-se”.

A partir do dia 29 de Novembro, a fiscalização irá intensificar-se com o bloqueamento e remoção de viaturas que se encontrem em transgressão. Contudo, o Presidente da Câmara Municipal defende que, a partir de Janeiro de 2011, haverá “tolerância zero” para os não cumpridores. “Temos que ser severos. Uma vida não tem preço”, sublinhou o Dr. Guilherme Pinto. 


Fonte: Câmara Municipal de Matosinhos

Um blog em Setubal


Passeio Obstruido em Setúbal

Farto de me ver obrigado a fazer zig-zag quando me desloco a pé nos passeios em Setúbal, por culpa dos condutores que, de forma egoísta, teimam em lá estacionar os seus veículos, decidi-me a criar este blogue no qual irei colocar fotos dos infractores, expondo assim a impunidade que se passa na cidade sadina por parte de certos condutores que não sabem viver em sociedade e respeitar o próximo.



Rua Tratado de Tordesilhas

Caos & simpatia

Este senhor, agente da Divisão de Trânsito da PSP de Lisboa, estava há dias a acompanhar os trabalhos da EPAL (na Av. dos EUA), pelo que o facto de haver carros a subir o passeio mesmo nas suas barbas não era nada com ele.
A foto documenta o momento em que ele abriu uma excepção nessa exclusividade para dar uns esclarecimentos a uns turistas; mas tudo bem!, pois é importante que quem nos visita fique com boa impressão dos que tratam do trânsito em Lisboa!