Incompetência ou crime?

A Rua das Portas de Santo Antão, na Baixa de Lisboa, é essencialmente pedonal, mas nela é autorizada a circulação a todo o tipo de veículos (para cargas e descargas), sendo bem conhecido o resultado disso no que toca à destruição do empedrado e das tampas das caleiras de escoamento de águas pluviais.
A imagem mostra uma destas, junto ao Politeama, propositadamente atulhada para "resolver" o problema. O resultado destas e de muitas acções semelhantes (acompanhadas de outras tantas "inacções") pôde ser constatado no decorrer das inundações de ontem.

Para quem gosta de Lisboa: Vote no Orçamento Participativo até Domingo


Em Lisboa volta a haver orçamento participativo, cabendo aos cidadãos decidir que projectos devem ser levados avante.
Da minha parte apoio a 100% esta proposta apresentada pelo Fórum Cidadania LX, que passa pela requalificação da zona desde o Príncipe Real, passando pela Rua S. Pedro de Alcântara/R. da Misericórdia (a rua que contorna o Bairro Alto) até ao Largo de Camões. Para mim o ponto do alto da proposta é o corte da circulação automóvel no Largo Trindade Coelho - seria apenas para peões e transportes públicos - que cortaria toda a circulação automóvel da zona (atenção, não impede o acesso, apenas corta aquele eixo sobrecarregado).
É das zonas mais agradáveis e vivas da cidades, que perde muito com o trânsito automóvel. O zona entre Largo de Camões e o Chiado seria muito mais animada, se os peões não estivessem aprisionados aos passeios estreitos, e obrigados a (des)esperar para atravessar as ruas. Atravessar aquele eixo de autocarro é um martírio porque os automóveis entopem a zona, obrigando os peões e os utentes do autocarro e elétrico, a ficarem presos num congestionamento que não causaram.
Para votar basta registar-se na página do Orçamento Participativo da CML depois esperar pela confirmação por email, fazer login, e votar na proposta 803, que pode ser encontrada escolhendo
Área:Infra-estruturas Viárias, Trânsito e Mobilidade
Freguesia:Encarnação

Têm até este domingo para limpar a cara a uma das zonas mais bonitas da cidade.
MC no Blog menos1carro

pedagogia na Quinta Pedagógica

Olá de novo,
 
Junto envio, em anexo, foto tirada hj junto da quinta pedagógica dos olivais.
Local onde passam inúmeras crianças
.
Devo salientar que eu arranjei lugar um pouco mais longe da porta de entrada.
Por último, o proprietário do carrinho, tinha 2 cadeiras de criança atrás...
 
Abraço


Nó Perigoso N6 / Av. Miratejo Paço de Arcos



--
From: xxx
Date: 2010/9/22
Subject: Nó Perigoso N6 / Av. Miratejo Paço de Arcos
To: spm@cm-oeiras.pt, contacto@psp.pt, unt@gnr.pt, geral@jf-pacodearcos.pt
Cc: geral@cm-oeiras.pt


Exm.ºs Senhores,

Venho pelo presente e-mail relatar de uma situação de tráfego extremamente perigosa para peões e automobilistas no nó da N6 (Estrada Marginal) com a Av. Eng.º Bonneville Franco e Av.Miratejo em Paço de Arcos, próximo da praia dessa localidade, do quartel e da escola naútica.

A existência de estacionamento desordenado causa perigos diversos, situação que poderia ser evitada com reboque e aplicação de multas de forma sistemática e diária no local, e em especial aos fins de semana e feriados.

As situações perigosas que eu tenho observado pessoalmente são as seguintes:  

1. Carros estacionados sobre os passeios e sobre as zonas ajardinadas do nó obrigam peões com mobilidade reduzida, nomeadamente pessoas a empurrarem carrinhos de bébé, deficientes, idosos, a circular na via rodoviária onde passam carros com bastante rapidez devido à excessiva largura das faixas de rodagem e às entradas e saídas da N6. O outro dia um pai e um bebé não conseguiam passar no passeio ao lado do quartel devido a carros mal estacionados sobre este espaço pedonal e podiam ter sido atropelados por um carro a saír da N6 em excesso de velocidade.

2.  Carros ilegalmente estacionados sobre as zonas relvadas do nó fazem manobras perigosas a entrar e saír dessa zona; Já testemunhei inúmeras situações onde só não aconteceram acidentes por acaso com carros a saír da N6 provenientes de Lisboa ou de Cascais a efectuar travagens bruscas devido às manobras perigosas dos prevaricadores.
Sugeria uma forte fiscalização deste espaço antes que suceda um acidente mortal ou atropelamento de peões.

Anexo imagem do Google Earth onde pode observar-se o nó e alguns carros estacionados sobre os passeios, uma visita ao local durante o fim-de-semana ou à tarde revelará um cenário ainda pior.

--
Melhores Cumprimentos

Um leitor do blog