Caminho para a creche









Este é o caminho que faço de segunda a sexta-feira para levar a minha filha (às cavalitas, porque de mãos dadas é complicado) à creche paroquial de Oeiras. As ruas são a Nossa Sra do Egipto, José Falcão, Carlos Silva e Luís de Camões.

Agradecimentos

Ao longo dos últimos 3 meses temos tido milhares de visitantes e também dezenas de referências em blogs que apoiam a iniciativa. Aqui fica o link para muitos daqueles que deram visibilidade a este movimento que é aberto à participação de todos e que sem as contribuições não passaria apenas de mais um blog sem vida.

Obrigado a todos!



Sembikini, Buzzófias, Uma bike pela cidade, Diário do Tripulante, O Carmo e a Trindade, Rrras-te-parta, Filipinha, Mais imagens que palavras..., Delito de Opinião, Jugular, Ma Fynch Bach, Quionga6, ABC do PPM, Blogdacidade.org, Canibais e Reis, Mastiga e deita fora, Nas faldas da Serra, Os amigos d`Avenida, Maria Pudim, Blogue do Magazine CONSIGO RTP2, Bicicleta na Cidade, Devaneios Desintéricos, Céu Encoberto, Possibilidade de Trovoada e Aguaceiros..., Fora dos Eixos, desenhador do quotidiano, CIDADANIA LX, Menos Um Carro, Pedalante, O Funcionário Cansado, A Cicuta, Interzone, Tux Vermelho, Babel Poliglota, Os Tempos Que Correm, Ambientalistas da Amadora, Don Vivo, Miss Pearls, Ondas3, Eternas Saudades do Futuro, Arrefecer a Terra, Pensamentos, Vila Chã, Les Canards libertaîres, Realejo, PS Lumiar, Textículos, Crónicas das Horas Perdidas, Mundo das Rodas, Lisboa é muita gente, Janela Indiscreta, O (meu) dia a dia em Lisboa, a lei de murphy, Bombeiralhadas, bicicletadacuritiba, O António Maria, 925OESTE, Pingos de..., Cicuta, Crónicas de um mundo justo e perfeito, Wheels Versus Legs, Lisboa S.O.S.


É importante a ressalva de que esta lista poderá estar incompleta. Se por acaso tiver feito referência ao Passeio Livre e não estiver aqui, não hesite em contactar.


Mais uma vez,


Obrigado.

Insólito

«Eu sabia que, um dia, veria algo assim:
Este passeio, numa avenida bem movimentada cá do meu bairro, sem um carro que fosse nele estacionado.
Não sei há quanto tempo estava assim nem quanto tempo mais assim se manteve. Vi, e registei, apenas de passagem a caminho do trabalho.
Mas fica para a história que, no dia cinco de Maio do ano da graça de dois mil e nove, pelo menos durante dez minutos da parte da tarde este passeio cumpriu as suas funções:
Permitir que os peões caminhem em segurança no espaço que lhes está reservado.»
Contribuição de um leitor, 06Mai09

Um freguês de Carnaxide

«Para deixar a minha colaboração transcrevo o mail que enviei para a junta de freguesia de Carnaxide, para relatar os problemas no tema que todos sabemos... inclui também as fotos enviadas:
Bom dia,
Agradeço imenso e estou extramamente grato pelo trabalho que anda a fazer para melhorar a paisagem, a requalificação e ordenamento, a mobilidade e o objectivo de tornar carnaxide numa freguesia 100% acessivel para as pessoas, especificamente nos passeios, degraus, passadeiras, etc.
No entanto uma coisa mais económica, eficaz, simples e benéfica para os peões, seria retirar os carros dos passeios e passadeiras, o que leva os peões a "ir à volta" pela estrada o que se torna incómodo e extremamente perigoso especialmente para pessoas com alguma deficiência, idosos, mulheres grávidas ou crianças.
Inclusivé onde existem 2 ou 3 pinos para não permitir os automóveis de o fazer, estes estacionam ao lado, na zona ao lado onde estes não existem ou subindo o passeio.
Sem falar na degradação das calçadas e passeios...
Sei que em ano de eleições não quer "desiludir" os condutores desrespeitadores e arriscar-se a perder o seu voto, mas se calhar a policia ou a policia municipal deviam de fazer o seu trabalho.
Apenas os automóveis bem estacionados sem pagamento do estacionamento da empresa parques tejo são multados e/ou rebocados.Gostava de ver algo ser feito e penso estar exactamente no momento certo para ser feito.
Também sou condutor e o meu agregado possui 3 automóveis.
Pode-se rebaixar passeios e eliminar os degraus, mas se existe lá um automóvel para que serviu gastar esse dinheiro que devia de ser de todos? Para os carros subirem melhor pelas rampinhas?
Se toda a gente começasse a deixar o seu lixo ou os pianos de cauda nos passeios ou na estrada, isto tornar-se-ia uma rebaldaria, então o que torna os automóveis diferentes de tudo isso? O espaço público não é para ser ocupado indevidamente.E pela falta de estacionamento, não são os peões quem tem de ser resolver esse problema nem serem prejudicados. Junto fotos de uns poucos exemplos apenas em duas ruas da freguesia em anexo. (Nota: costuma estar bem pior mas por ser domingo, ainda cedo e com bastante calor muitos "lugares de estacionamento" estavam livres.)
Muito obrigado e espero uma resposta vossa.
Um freguês de Carnaxide.»

Contribuição de um leitor, 03Mai09


































112 - ALMADA




«Há meses que venho reparando numa ambulância que fica dias seguidos sempre à mesma hora, mais ou menos, mal estacionada no mesmo sitio. Um dia descobri o porquê: é a hora de refeição dos tripulantes! Vão almoçar, deixam a ambulância mal estacionada, com os piscas acessos… (...)»
Contribuição de um leitor, 29Abr09
«(...)Hoje voltei a vêr a mesma ambulância estacionada em cima do passeio, com os piscas acessos, e os dois tripulantes mais a sra (julgo não fazer parte da tripulação) a almoçar num restaurante (...)»
Contribuição de um leitor, 30Abr09


a 30 minutos do estacionamento gratuito

«Hoje 24 de Abril de 2009 19h 30m a 30 minutos do estacionamento gratuito.
Está sempre assim esta paragem de autocarros, pelo menos ao fim da tarde e noite, logo a seguir estão duas bombas de gasolina, os autocarros tem que parar no meio da rua impedindo o transito e engarrafando a rotunda que está imediatamente antes (entroncamento com Av da Igreja).
Notasse que o Sr Presidente da Câmara é cliente habitual dos jantares deste restaurante não sei se também leva o carro para dentro da esplanada, mas pelo menos vê esta situação frequentemente.»
Contribuição de um leitor, 24Abr09

passeio sofre...

Como bem se vê nas fotos (contribuição de um leitor), os estragos nos passeios provocados pela usurpação dos espaços pedonais por veículos automóveis são evidentes, cujo conserto é pago pelo contribuinte.




Contribuição de um leitor, 23Abr09


«Durante o fim-de-semana, os passantes e moradores da zona da Av. de Roma (esquina do Santander Totta) foram brindados (mas não surpreendidos...) com a destruição que se vê nas imagens. As fotos mostram a evolução do buraco até ao momento (tarde de 3ª-feira), incluindo um táxi com o letreiro «O PAI PAGA!» e a EMEL em acção ali perto... mas não ali!»
Contribuição de um leitor, 28Abr09



Contribuições de vários leitores


Lagos

Laranjeiro - Almada

C. C. Belém

C. C. Belém

C. C. Belém



Esquina da Av. de Roma com a Rua Conde de Sabugosa

Jardim Botânico

TELHEIRAS - TESTEMUNHO

«Viva,
Junto a seguir mail e fotos que enviei para a CML no fim de Janeiro.
Desde o envio do mail já aconteceram várias coisas:
* O terceiro pino foi destruído em meados de Fevereiro, informei a câmara desse facto;
* Novos pinos foram colocados no inicio deste mês. Infelizmente um deles foi quase imediatamente destruído. Tenho de me lembrar de informar a câmara desta evolução.
É claro que continua tudo mais ao menos na mesma. Devo no entanto realçar o facto da CML, apesar de ser muito, mesmo muito, lenta, sempre vai fazendo alguma coisa sempre que reclamo. (Independentemente da força partidária que ocupa a câmara.)
É de facto uma tristeza o que se passa no nosso país em termos de estacionamento abusivo e de falta de organização... Mais uma vez, infelizmente, não é só esta situação que está mal.
De qualquer forma parabéns pela ideia e pelo trabalho feito no blog.»

Mail enviado para a CML:
«Exmos. Srs.
Perto da estrada de telheiras foi feita uma nova urbanização com artérias vedadas ao transito (não tenho a certeza, mas julgo que se trata de uma urbanização da EPUL - vide por favor fotos em anexo). Infelizmente os pinos que evitavam a passagem de automóveis foram rapidamente partidos e neste momento toda a área é utilizada como parque de estacionamento.
Gostaria pois de vos pedir para repor a situação inicial de modo a termos um bocadinho de Lisboa que não seja propriedade dos carros.»

Helder Guerreiro, 22Abr09





Experimente o seu novo carro!



«Este stand da Citroen decidiu fazer do passeio uma extensão do seu espaço (reparem na bandeirinha da Citroen e lá atrás do poste, no vidro, o sinal de proibido estacionar :). De novo o largo do Pingo Doce de Sassoeiros. Todos os passeios circundantes são invadidos diariamente pelos clientes e pelo stand. Os primeiros porque são incapazes de deixar o carro mais afastado e os outros, porque sabem que a polícia não faz nada. Penso que já perdi a conta dos emails enviados à câmara e pm a referir isto. Resultado: nada»
Contribuição de um leitor, 20Abr09